05/08/2012 - 08:54     |
Indústria negocia ampliação da mistura de biodiesel no diesel com governo
Fonte: Sou Agro
Foto: Ilustrativa
Indústria negocia ampliação da mistura de biodiesel no diesel com governo
Representantes do setor de biodiesel, que opera com 60% de capacidade ociosa, estão negociando com o governo um aumento do teor do biocombustível misturado ao diesel, de 5% para 7%. “Teremos uma reunião na próxima quarta-feira (08) com a ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffman, para o governo dar continuidade ao programa de biodiesel e ampliar a mistura em 2013”, disse nesta quinta-feira (02) o presidente da Associação dos Produtores de Biodiesel do Brasil (Aprobio), Erasmo Battistella. A mistura em vigor hoje, de 5%, era a meta do Plano Nacional de Produção e Uso de Biodiesel (PNPB), criado no primeiro governo de Luiz Inácio Lula da Silva. Por conta disso, o ex-presidente foi homenageado nesta quinta pela União Brasileira do Biodiesel e do Bioquerosene (Ubrabio) e pela Aprobio. Não há nenhuma legislação ou regulamentação que preveja o aumento da mistura obrigatória acima do patamar de 5%, o que limita o crescimento do setor. Dezenas de fábricas de biodiesel foram criadas com o PNPB, e hoje a capacidade instalada é mais que o dobro da demanda anual, de cerca de 2,7 bilhões de litros. A proposta da indústria é que se escalone pelos próximos 10 anos um aumento da mistura até a casa dos 20%, como ocorre na mistura de etanol à gasolina. Apesar de já ter capacidade para atender um mercado onde a mistura seja de 10%, a Aprobio e a Ubrabio defendem que esse patamar seja atingido em 2016. “Não precisaríamos de investimento industrial para atender esse mercado, mas é preciso investir em distribuição e em matéria-prima”, explica Battistella. Segundo ele, um estudo encomendado à Fundação Getúlio Vargas (FGV) apontou que cada litro de biodiesel gera 113% mais emprego que um litro de diesel, e que o biocombustível reduz em 52% as emissões de poluentes atmosféricos. Marco regulatório As demandas do setor produtivo estão contempladas em um projeto de lei que aguarda apreciação do Congresso, que cria um novo marco regulatório para os próximos 10 anos do biodiesel. Segundo a Ubrabio, caso a mistura de biodiesel atinja 20% em 2020, os investimentos do setor até lá seriam de R$ 28 bilhões. Além disso, o aumento gradativo da mistura entre 2011 e 2020 evitaria a importação de diesel em um valor de US$ 43 bilhões.
 
© Copyright 2018 Todos os Direitos Reservados by clube7web