30/04/2012 - 11:45     |
Pecuaristas vão gastar R$ 15,3 milhões em vacinas em Mato Grosso
Fonte: Assessoria
Foto: Ilustrativa
Pecuaristas vão gastar R$ 15,3 milhões em vacinas em Mato Grosso
A conta é sempre salgada quando o assunto é custo da pecuária em Mato Grosso. Com o maior rebanho do Brasil formado por 29,1 milhões de cabeças, os pecuaristas se preparam para vacinar o gado de zero a 24 meses, que segundo informações do Indea - Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso – é de 12,5 milhões de cabeças. Para imunizar esses animais durante a campanha de vacinação do mês de maio, os produtores vão desembolsar R$ 15,3 milhões de reais, pagando pela dose da vacina R$ 1,23 em média, tendo como base os preços praticados em março, segundo levantamento feito pelo Imea - Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária. “O produtor paga caro para imunizar seu rebanho, mas, ele sabe que isso é a garantia para ele continuar no mercado cada dia mais competitivo e exigente e é bom lembrar, que esse custo é apenas com a compra da vacina contra aftosa, sem contar com o manejo e outras vacinas obrigatórias”, ponderou o superintendente da Acrimat, Luciano Vacari. A variação de preços é bem grande dependendo da região onde esta o produtor. Enquanto o pecuarista da região Norte comprou a dose em março a R$ 1,00, na região Nordeste o produtor desembolsou R$ 1,35, uma diferença de 35%. Os produtores do Noroeste do estado pagaram 9.7% a mais que a média geral e os que estão no Norte, 18.7% a menos. O levantamento também mostra que o preço da vacina no mês de fevereiro deste ano era de R$ 1.17 em média, ou seja, 5% menor que no mês de março. Entretanto, fazendo um comparativo do preço da dose do mês de março desde ano com o custo do ano passado, houve uma queda de 15%, onde em 2011, a vacina era vendida em média a R$ 1,45. O lançamento oficial da campanha de vacinação contra febre aftosa de maio acontece amanhã, dia 28 de abril (sábado), às 10 horas, no município de Jaura, no Parque de Exposições da Acrivale – Associação dos Criadores do Vale do Arinos. A campanha de vacinação contra a febre aftosa começa na próxima terça-feira, dia 1º de maio e segue até o dia 31. O pecuarista precisa comunicar que vacinou até o dia 11 de junho e deve ser feita uma unidade do Indea, A multa para o produtor que não vacinar seu gado é salgada. Para cada animal não vacinado terá que pagar 2,25 UPFs - Unidades de Padrão Fiscal – equivalente a R$ 104,10.
 
© Copyright 2018 Todos os Direitos Reservados by clube7web